Desenvolver um aplicativo: dicas para tirar sua ideia do papel

Não é nenhuma novidade que os aplicativos de celular, popularmente conhecidos como apps, se tornaram ferramentas indispensáveis no nosso dia a dia. Hoje, é possível realizar uma infinidade de tarefas na palma da mão, como pagar contas, transferir dinheiro, afinar instrumentos, fazer compras, conversar com familiares distantes e por aí vai.

Por esse motivo, as empresas têm investido no desenvolvimento dos mais variados aplicativos. Embora seja cada vez mais difícil ter uma ideia original, a boa notícia é que ainda há muitos nichos a serem explorados.

Para te ajudar a desenvolver um aplicativo, separamos 5 dicas para tirar essa ideia do papel. Acompanhe a seguir.

1. Estude o mercado

Antes de começar a desenvolver um app, é fundamental realizar uma análise do mercado e da concorrência. Nesse momento, é preciso se questionar se a sua ideia representa uma solução efetiva para os usuários, uma vez que já existem inúmeras opções disponíveis nas lojas virtuais.

Após a análise do mercado, você deve realizar quantos testes forem necessários, especialmente com potenciais clientes. Dessa forma, você garante que o seu app irá realmente funcionar e pode corrigir possíveis falhas antes que ele chegue ao mercado.

2. Quem serão seus clientes?

É também na etapa de planejamento que você deve avaliar quem serão seus clientes, isto é, quais usuários possivelmente se interessariam pelo seu produto. Nesse caso, podem ser tanto pessoas físicas como empresas.

Lembre-se de que essa fase é essencial para o desenvolvimento do aplicativo. Afinal, não dá para vender um produto se você não sabe quem irá comprá-lo.

Ainda tem dúvidas de que vale a pena investir no desenvolvimento de um app para a sua empresa? Leia esse outro artigo  e inspire-se!

3. Pense no investimento

Desenvolver um aplicativo não é uma tarefa simples. Além das questões burocráticas às quais você deve se atentar, como o lançamento do app, é preciso pensar no investimento necessário para tirar essa ideia do papel. Em outras palavras, quanto isso irá custar e quem vai pagar a conta.

É um planejamento que não pode, em hipótese alguma, ficar de fora do seu projeto. Além disso, é uma etapa fundamental para que você não gaste mais dinheiro com o seu projeto do que o necessário.

4. Dê início ao desenvolvimento do app

O próximo passo é dar início ao desenvolvimento do aplicativo. Para que essa ideia saia finalmente do papel, reúna uma equipe de profissionais, como programadores e designers, crie um protótipo do app e, por fim, realize uma série de testes com o produto final.

Os testes são uma forma prática de garantir que o aplicativo realmente funciona e de reparar possíveis erros. A dica é disponibilizar o produto nas lojas virtuais e verificar a opinião dos clientes.

5. Esteja sempre atento às atualizações

Depois de divulgar o seu produto e vender para as principais lojas virtuais, como Apple Store e Play Store, você deve ficar atento às constantes atualizações dos sistemas operacionais dos dispositivos móveis, seja iOS ou Android.

Acompanhar essas mudanças é a forma mais efetiva de aperfeiçoar seu app, garantindo assim que os usuários possam acessar todo o conteúdo no seu smartphone sem dificuldades. Manutenções periódicas do aplicativo também são recomendadas.

 

Bom, conforme vimos nesse artigo, as dicas que elencamos aqui podem ajudá-lo a tirar a sua ideia de aplicativo do papel. Mas você viu também que é necessário muito planejamento e pesquisa. Dessa forma, você minimiza os erros e tem ainda mais chances de criar um app que atenda às necessidades do público-alvo. Se você quer outras dicas para melhorar o seu aplicativo, visite nosso blog e leia mais conteúdos a respeito!

Receba nosso conteúdo em primeira mão assinando a newsletter: